free website hit counter

AJUDE - AÇÕES


SuaEmpresa.COM + Construtor de Site! Por menos de R$ 24,90/mês. Entre em contato!

JOGOS ONLINE - GRÁTIS - JOGUE E CONCORRA A BRINDES EM DÓLAR

Qual seu Estado ? Cidade:

PALHOCA - SANTA CATARINA

Palhoca Registra Em 2017 O Dobro De Mortes Violentas Do Mesmo Periodo Do Ano Passado


Fonte: https://g1.globo.com/sc/santa-catarina/noticia/palhoca-registra-em-2017-o-dobro-de-mortes-violentas-do-mesmo-periodo-do-ano-passado.ghtml


Voltar

Palhoça registra em 2017 o dobro de mortes violentas do mesmo período do ano passado | Santa Catarina | G1 G1Santa CatarinaNotícias da sua região Centro Oeste voltar Nordeste voltar Norte voltar Sudeste voltar Sul voltar Palhoça registra em 2017 o dobro de mortes violentas do mesmo período do ano passado De janeiro a novembro de 2016 foram 15 mortes. No mesmo período deste ano foram 30, segundo a Secretaria de Segurança Pública. Facebook Twitter email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp Por G1 SC 07/11/2017 14h58 Atualizado 07/11/2017 17h47 Número de mortes violentas cresce em Palhoça Palhoça, na Grande Florianópolis, já registrou em 2017 o dobro de mortes violentas em relação ao ano passado: de 1º de janeiro a 1º de novembro deste ano foram 30 casos. No mesmo período do ano passado foram 15, segundo a Secretaria de Segurança Pública de Santa Catarina (SSP-SC). Só nos últimos cinco dias foram quatro mortes, como mostrou o Jornal do Almoço, duas delas na noite de segunda-feira (6). “Isso decorre do tráfico de drogas, das brigas entre grupos criminosos. Isso tem acontecido tanto na Capital quanto na Grande Florianópolis”, afirma a delegada da Polícia Civil Beatriz Ribas. Das 30 mortes deste ano, 12 foram solucionadas pela Polícia Civil. Além do baixo efetivo, falta estrutura para ajudar o trabalho da polícia, afirma a instituição. Das 10 câmeras que deveriam ser monitoradas pela Polícia Militar na cidade, por exemplo, apenas uma está funcionando. De 10 câmeras de monitoramento em Palhoça, nove não funcionam (Foto: NSC TV/Reprodução) “Precisamos monitorar melhor a cidade. Câmeras nos auxiliam muito, tanto no esclarecimento de crimes quanto no acompanhamento da movimentação”, diz a delegada Beatriz. A prefeitura está montando uma sala de monitoramento com capacidade para receber imagens de 100 câmeras. Além das 10 que são de responsabilidade do estado, o município quer ter equipamentos próprios, mas ainda não tem data para fazer a licitação e nem prazo para começar a funcionar. A SSP-SC disse que das 10 câmeras de Palhoça, quatro foram danificadas em acidente de trânsito e que serão repostas em breve. Comunidade com medo Na cidade, os moradores andam na rua com medo. “A gente à noite procura não sair, tem que ser tudo fechado em casa, bem fechado”, diz uma moradora de Palhoça. “Está bem complicado, muito assalto, está perigoso de noite andar na rua”, diz outra. “A comunidade reclama para o Conseg (Conselho Comunitário de Segurança) para tomar providências, mas nem todas estão ao nosso alcance. O Conseg apenas reivindica as autoridades e esperamos uma solução mais rápida nesse sentido”, afirma José da Silva Mattos, presidente de Conseg em Palhoça. Em nota, a Polícia Militar informou que trabalha em parceria com a comunidade e que intensificou o policiamento na cidade. No último fim de semana foram apreendidas 11 armas de fogo, segundo a PM. Moradores de Palhoça estão com medo do crescimento da violência na cidade (Foto: NSC TV/Reprodução) MAIS DO G1 Blog da Andréia SadiDeputado de GO aceita convite de Temer para Ministério das CidadesPosse de Alexandre Baldy está prevista para ocorrer na terça.há 2 horas Blog da Andréia Sadi Rio de JaneiroInvestigado reclama porque deixou de receber R$ 1 milhão em propinaÁudio obtido pelo Fantástico revela como era esquema de corrupção no transporte no Rio.há 1 hora Rio de Janeiro Sucessão de BacheletChile terá 2º turno para presidente com Piñera e Guillier Com 91,75% das urnas apuradas, Piñera tem 36%, e Guillier, 22%.há 3 horas G1 FantásticoSTF julga nesta semana restrição de foro privilegiado de políticosDecisão pode deixar tudo como está ou acelerar processos.há 45 minutos Fantástico ExclusivoVÍDEO: ator negro é arrastado por agressores sob olhares de seguranças de terminal em SPJovem foi perseguido por homem com um porrete e segurança, acabou expulso de terminal e depois voltou machucado.há 6 horas São Paulo 37 anos no poderMugabe vai à TV, mas não renuncia à presidência do ZimbábueLíderes deram prazo para ele deixar cargo, caso contrário enfrentará impeachment.há 7 horas Mundo Vestibular 2018Unicamp: 1ª fase aborda feminismo, 'Brexit' e tragédia em Marianahá 7 horas Campinas e Região Gabarito extraoficialConfira a correção comentada da 1ª fase da UnicampProva teve 90 questões de múltipla escolha.há 5 horas G1 'Um Novo Tempo'Veja a campanha de fim de ano da Globo para a chegada de 2018Elenco forma grande banda no tema deste ano: vamos tocar juntos.há 51 minutos Fantástico Veja mais globo.com Globo Notícias © Copyright 2000-2017 Globo Comunicação e Participações S.A.
... ++ Mais

TAGS:

Palhoça registra 2017 dobro mortes violentas mesmo período passado Santa Catarina G1Santa CatarinaNotícias região Centro Oeste voltar Nordeste voltar Norte voltar Sudeste voltar voltar Palhoça registra 2017 dobro mortes violentas mesmo período passado janeiro novembro 2016 foram mortes. mesmo período deste foram segundo Secretaria Segurança Pública. Facebook Twitter email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp 07/11/2017 14h58 Atualizado 07/11/2017 17h47 Número mortes violentas cresce Palhoça Palhoça Grande Florianópolis registrou 2017 dobro mortes violentas relação passado: janeiro novembro deste foram casos. mesmo período passado foram segundo Secretaria Segurança Pública Santa Catarina (SSP-SC). últimos cinco dias foram quatro mortes como mostrou Jornal Almoço duas delas noite segunda-feira (6). “Isso decorre tráfico drogas brigas entre grupos criminosos. Isso acontecido tanto Capital quanto Grande Florianópolis” afirma delegada Polícia Civil Beatriz Ribas. mortes deste foram solucionadas pela Polícia Civil. Além baixo efetivo falta estrutura para ajudar trabalho polícia afirma instituição. câmeras deveriam monitoradas pela Polícia Militar cidade exemplo apenas está funcionando. câmeras monitoramento Palhoça nove não funcionam (Foto: TV/Reprodução) “Precisamos monitorar melhor cidade. Câmeras auxiliam muito tanto esclarecimento crimes quanto acompanhamento movimentação” delegada Beatriz. prefeitura está montando sala

HTML Box Comentário está carregando comentários ...